Sinais da Palavra

4º Domingo de Páscoa – Ano A

Por: Pe. Nuno Azevedo

Conheceremos nós a voz do Pastor?

Para O podermos seguir, quando Ele nos chama, a cada um pelo seu nome, e nos faz sair dos nossos medos e inseguranças para a certeza de uma fé, que nos faz viver em plenitude?

E, para quando um dia, esse mesmo Bom Pastor, que caminha à nossa frente, nos fizer entrar pela porta para a eternidade, saberemos segui-Lo sem medo e sem ficar presos a este mundo e a esta vida passageira?

São Pedro, na sua epístola, lembra-nos que nós, ovelhas desgarradas, voltámos agora para «o pastor e guarda» das nossas almas. Mas, quando nos habituamos a outra vozes, mais fáceis e sedutoras, vamos esquecendo o chamamento do verdadeiro Pastor, Jesus Cristo, e tornamo-nos presas fáceis para «o ladrão», que «não vem senão para roubar, matar e destruir», como lembrava o Senhor no evangelho.

Aprendamos a reconhecer a voz de Jesus, o Bom Pastor que vem conduzir e salvar a todos nós que, pelo Batismo e pelo Espírito Santo, aprendemos a ouvir «o apelo do Senhor nosso Deus», como nos lembrava os Actos dos Apóstolos.

E por Cristo, que nos diz: «Eu sou a porta», aprendamos a entrar na eternidade…

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Back to top button