Sinais da Palavra

8º DOMINGO DO TEMPO COMUM

Os frutos de uma boa árvore…

Diz o Senhor no evangelho: “Cada árvore conhece-se pelo seu fruto”.

Sejamos capazes de refletir, com verdade, quais os frutos do nosso dia-a-dia. Se vivemos amargurados e amarguradas são as palavras que saem da nossa boca, se cansados e sem esperança deixamos os dias passarem, e à nossa volta produzimos esse mesmo negatisvismo, ou se produzimos esperança, porque vivemos na esperança, se as nossas palavras são boas e de optimismo, porque dele transborda o nosso coração.

Já o livro de Ben-Sirá nos desafiava a este exame, ao afirmar: “assim as palavras do homem revelam os seus sentimentos”.

Se nos rodeamos de palavras ofensivas e de uma expressão muito negativa, algo há a mudar em nós mesmos…

Porque, afinal, somos vencedores em Cristo Jesus, como recordava o apóstolo Paulo, esforçando-nos por viver já essa nova vida, a caminho dessa vitória feita eternidade, ao dizer-nos: “dêmos graças a Deus que nos dá a vitória por Nosso Senhor Jesus Cristo”.

E fique em nós o seu desafio: “permanecei firmes e inabaláveis”…

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Back to top button