Sinais da Palavra

Epifania do Senhor

Por: Pe. Nuno Azevedo

Aquele que era antes invisível, manifestou-Se agora visível aos nossos olhos… manifestou-Se na nossa própria humanidade… Deus mostra-Se agora visível a todos os povos, na humanidade de uma criança que nasce para todos, para que todos os povos O possam vir adorar.

Deus manifesta-Se, mostra-Se presente, unindo a Si a nossa condição humana. Nasce como verdadeiro Deus e verdadeiro Homem em Cristo Jesus.

Mas, com uma finalidade: unir em Si, unir na mesma salvação que a todos oferece, todos os povos da terra.

E este convite à universalidade da salvação está bem representado na figura dos magos, que vindos do Oriente, se deixam guiar pela luz de uma estrela, à procura de um acontecimento único, de uma nova realidade.

Também nós, guiados pela Luz de Cristo que nasce, de Deus que Se faz Homem para nos salvar, partimos confiantes, ao longo da vida, à procura dessa mesma nova realidade: de nos sentirmos filhos de Deus, herdeiros de uma mesma promessa de vida eterna que se cumpre em Jesus Cristo, o Filho Unigénito.

E que essa luz de Deus brilhe mais forte em nós… e que a procuremos seguir cada vez mais, como os Magos, ofertando ao Deus Menino, hoje, a nossa própria vida…

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Back to top button