Igreja

Juristas Católicos consideram «censurável» que Parlamento avance para a legalização, em tempos de pandemia

A Associação de Juristas Católicos (AJC) de Portugal manifestou-se hoje contra o regresso dos trabalhos parlamentares que vista a legalização da eutanásia, considerando “censurável” que isso aconteça em plena pandemia.

Este conteúdo requer uma subscrição
Subscreva uma assinatura ou faça Login.

edição impressa de JB 25/06/2020

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Back to top button