Viseu

Medidas do novo Estado de Emergência entram em vigor esta terça-feira

O primeiro- ministro, António Costa, anunciou as novas medidas do novo Estado de Emergência, que entram em vigor na meia-noite desta terça-feira, 24 de novembro.

Há várias medidas para todo o país como o uso obrigatório de máscara nos locais de trabalho e a proibição de circulação entre concelhos entre os dias 27 de novembro e 2 de dezembro e 4 e 9 de dezembro. As atividades letivas estão suspensas nos dias 30 de novembro e 7 de dezembro e haverá ainda tolerância de ponto na Função Pública, sendo que António Costa apelou a que o setor privado também dispense os seus trabalhadores. O Governo anunciou que vai aumentar as ações de fiscalização para o cumprimento do teletrabalho.

No novo Estado de Emergência o país está dividido em quatro níveis de risco de contágio de Covid-19, onde há mais medidas para além das anteriormente referidas.

O primeiro nível é o de concelhos de risco moderado (até 239 casos por 100 mil habitantes). Carregal do Sal, Vouzela, Santa Comba Dão, Sernancelhe, Moimenta da Beira, Tabuaço e Aguiar da Beira são os concelhos do distrito de Viseu que estão neste nível.

O segundo nível é o de concelhos de risco elevado de contágio
(entre 240 e 479 casos por 100 mil habitantes). Do distrito pertencem a este nível os concelhos de Viseu, Mortágua, Tondela, Castro Daire, Penalva do Castelo, Nelas Penedono e S. João da Pesqueira. Nesta categoria há a proibição de circulação na via pública entre as 23h e as 5h em todos os dias, e a manutenção dos horários de encerramento: estabelecimentos comerciais às 22h, restaurantes e equipamentos culturais às 22h30.

O terceiro nível é o de concelhos de risco muito elevado (entre 480 e 959 casos por 100 mil habitantes). Resende, Lamego, Armamar, Tarouca, Vila Nova de Paiva, Sátão, Mangualde, Oliveira de Frades e S. Pedro do Sul são os concelhos do distrito de Viseu que pertencem a este nível. O quarto e último nível é o de concelho de risco extremo (mais de 960 casos por mil habitantes). Do distrito de Viseu apenas o concelho de Cinfães está colocado nesta categoria.

Nos dois últimos níveis as medidas impostas pelo Governo são iguais. São elas: a manutenção da proibição de circulação na via pública entre as 23h e as 5h em todos os dias; a manutenção dos horários de encerramento: estabelecimentos comerciais às 22h, restaurantes e equipamentos culturais às 22h30, nos sábados, domingos e feriados de 1 e 8 de dezembro está proibida a circulação na via pública e é obrigatório o encerramento de estabelecimentos comerciais entre as 13h e as 5h e nos dias 30 de novembro e 7 de dezembro, véspera de feriados, é obrigatório o  encerramento dos estabelecimentos comerciais a partir das 15h.


Mostrar mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo