Sinais da Palavra

Natal do Senhor (Noite) – Ano B

Por: Pe. Nuno Azevedo

“Manifestou-se a graça de Deus, fonte de salvação para todos os homens”, escrevia São Paulo a Tito.

Manifestou-se e deu-se a conhecer esse Menino, que vem cumprir as profecias, o anunciado pelo profeta Isaías: “Porque um menino nasceu para nós, um filho nos foi dado”. Também hoje, “o povo que andava nas trevas viu uma grande luz; para aqueles que habitavam nas sombras da morte uma luz começou a brilhar”.

Porque este Menino que por nós e para nós nasce, será chamado, como lembra o profeta, “Conselheiro admirável, Deus forte, Pai eterno, Príncipe da paz”.

Embora, nascido na humildade, na simplicidade, este Deus que nasce, a quem Maria “envolveu-O em panos e deitou-O numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na hospedaria” é o Messias e Salvador esperado, como recordou o Anjo aos pastores, ao dizer: “vos anuncio uma grande alegria para todo o povo: nasceu-vos hoje, na cidade de David, um Salvador, que é Cristo Senhor”.

E ainda hoje, esse grandioso sinal, “encontrareis um Menino recém-nascido, envolto em panos e deitado numa manjedoura”, é para nós causa de grande alegria e paz.

“Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por Ele amados”, como cantaram os anjos nesta noite santa.


Mostrar mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo