Sinais da Palavra

22º Domingo do Tempo Comum – Ano A

Seguir-vos, Senhor, não é escolher os nossos próprios caminhos, procurar agradar a todos com palavras fáceis de ouvir, ser profeta ou apóstolo em benefício próprio.

Seguir-vos, Senhor, é procurar viver o desafio de São Paulo aos romanos: «peço-vos irmãos, pela misericórdia de Deus, que vos ofereçais a vós mesmos, como sacrifício vivo, santo, agradável a Deus, como culto espiritual». Sempre a renovar-nos, sempre a transformar o nosso interior para conhecer a vontade de Deus e colocá-la em prática.

Seguir-vos, Senhor, é tantas vezes contrariar a nossa própria vontade, pelo «fogo ardente» que há nos nossos corações e que não podemos conter, sendo profeta que clama, denuncia, acusa, mesmo que por isso seja perseguido. É dizer, com verdade, como Jeremias: «Vós me seduzistes, Senhor, e eu deixei-me seduzir; Vós me dominastes e vencestes».

Seguir-vos, Senhor, é viver o vosso desafio do evangelho: «Se alguém quiser seguir-Me, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e siga-Me». Procurando encontrar a vida sem fim, a eternidade nesta total entrega, sem reservas e condições, mas aprendendo com Jesus a amar até ao fim, até à Cruz.

Seguir-vos é tão simplesmente encontrar em vós a água que sacia a nossa sede de vida, meu Deus.

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Ver também

Close
Back to top button