Sinais da Palavra

1.º Domingo do Advento – Ano B

Por: Pe. Nuno Azevedo

Estarmos atentos e vigilantes, porque estamos à espera. Porque o Advento nos convida a este mesmo estado de quem espera a vinda do Senhor, de quem a pede como o profeta Isaías na primeira leitura, ao dizer: «oh, se rasgásseis os céus e descêsseis!».

Porque queremos preparar-nos para essa mesma vinda e este é o tempo próprio para nos prepararmos. Porque é Advento, tempo de espera e de esperança.

Mas, prepararmo-nos é reconhecer também que tantas vezes nos afastámos, caímos pelo pecado. O profeta faz a pergunta: «porque nos deixais, Senhor, desviar dos nossos caminhos e endurecer o nosso coração, para que não Vos tema?», pergunta a que respondemos com essa mesma liberdade, dom do amor de Deus, mas que tantas vezes usamos apenas para o mal. Então pedimos, com verdade: «Senhor nosso Deus, fazei-nos voltar, mostrai-nos o vosso rosto e seremos salvos».

Neste tempo de espera, aceitemos o conselho do Senhor Jesus, que nos diz: «acautelai-vos e vigiai, porque não sabeis quando chegará o momento». Vivamos, portanto, essa firmeza de quem O espera, de quem aguarda essa vinda gloriosa que nos fará entrar na plenitude do amor. É o que nos diz S. Paulo: «Ele vos tornará firmes até ao fim, para que sejais irrepreensíveis no dia de Nosso Senhor Jesus Cristo».

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo