Sinais da Palavra

3º Domingo de Páscoa – Ano C

Por: Pe. Nuno Azevedo

“E nós somos testemunhas destes factos, nós e o Espírito Santo que Deus tem concedido àqueles que Lhe obedecem”, diziam os Apóstolos aos judeus que os proibiam de falar em nome de Jesus:

Também nós hoje somos testemunhas, anunciadores deste Jesus que nos enche de alegria. Mas testemunhas audazes que não se deixam intimidar pelo medo, que O anunciam com a sua vida, que O louvam na sua oração e também dizem como os anjos do livro do Apocalipse: “Digno é o Cordeiro que foi imolado de receber o poder e a riqueza, a sabedoria e a força, a honra, a glória e o louvor”.

Mas discípulos testemunhas que continuam a lançar as redes, apesar dos cansaços e das desilusões. Que em Jesus procuram a pesca abundante, a vida sem fim. Que O reconhecem presente na vida e também dizem, como o discípulo predileto: “É o Senhor”.

Mas discípulos de quem Jesus espera vezes sem fim a resposta verdadeira: “Sim, Senhor, Tu sabes que Te amo”, seguido da atitude concreta de O seguir de verdade.


Mostrar mais

Artigos Relacionados

Ver também
Fechar
Botão Voltar ao Topo